• drcharlesrsouza

Arritmia benigna e maligna

Sentir o coração bater fora do ritmo, como se tivesse uma “batedeira” dentro do peito, pode ser sinal de arritmia cardíaca. A condição, que altera o ritmo dos batimentos cardíacos, pode ser a primeira manifestação de uma doença que pode levar à temida morte súbita. Para cada tipo de arritmia, há um tratamento diferente que pode aumentar as chances de controle e até de cura.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Existem arritmias benignas e malignas. As benignas geralmente não levam a alterações na função cardíaca e não colocam o paciente sob risco de morte. Já as malignas alteram a função e o desempenho cardíaco, podendo levar o paciente à uma condição mal tolerada e até a morte súbita.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

As arritmias malignas geralmente estão associadas a presença de doenças cardíacas, como infarto, doença de Chagas e insuficiência cardíaca.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

O diagnóstico da arritmia cardíaca é feito através de uma minuciosa avaliação clínica e por exames como o eletrocardiograma, Holter, teste ergométrico e o estudo eletrofisiológico entre outros. Na presença de sintomas ou de história na família de morte súbita procure o especialista.





2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo